Mangá, as histórias em quadrinhos japonesas

Atualizado: 16 de ago. de 2021

Mangá são as histórias em quadrinhos japonesas. Essa palavra é uma junção de “man” (involuntário) e “gá” (desenho), ou seja, significa literalmente “desenhos involuntários”. Sua origem é na época do Teatro das Sombras, que percorria diversos vilarejos contando lendas por meio de fantoches. Essas histórias acabaram sendo escritas e ilustradas em rolos de papel, o que deu origem às histórias em sequência, e originou o mangá.



Esse termo demorou para realmente se tornar comum. Foi só em 1814, que o artista Hokusai ajudou a firmar esse termo, com o lançamento do caderno contendo uma coleção de histórias com desenhos em sequências. Batizada de “Hokusai Mangá”, a série teve 15 volumes e teve uma enorme repercussão. A partir daí, os quadrinhos japoneses passaram a ser chamados de mangá, e esse nome efetivamente se consolidou nos anos de 1950, com as obras de Osamu Tezuka.



Os mangás possuem características muito